Os 3 tipos de candidatos que surgem após a divulgação de um edital de concurso militar

Fala combatente, tudo tranquilo com você? Espero que sim!! Provavelmente você já sabe, mas essa semana tivemos a divulgação do edital do concurso da EsPCEX 2020, um momento muito aguardado por milhares de jovens que sonham em se tornarem Oficiais Combatente de Carreira do Exército Brasileiro. Caso você ainda não tenha visto, eu fiz um resumão, lá no meu canal no YouTube, com algumas das informações mais importantes que constam no edital (CLIQUE AQUI para conferir).


Neste exato momento em que escrevo este post, a ansiedade toma conta de milhares de jovens espalhados por todo o Brasil, muitos deles que, além de realizarem o concurso da EsPCEX, irão concorrer a vagas em outras Escolas de Formação Militar, como a Escola de Sargentos das Armas (ESA), Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), Escola Naval (EN), dentre outras.


Como tenho trabalhado com jovens candidatos nos últimos anos e, além disso, eu mesmo já fui um deles, tenho percebido que, após a divulgação de um edital, podemos identificar a existência de 3 tipos de candidatos, cada um deles com características particulares e que podem tanto ajudá-los quanto atrapalhá-los durante a sua jornada rumo à aprovação. Meu objetivo com este post é te oferecer algumas informações para que você identifique a tempo se você se encaixa em uma dessas 3 "personalidades" e, após isso, perceba se existe algo que você possa melhorar para otimizar as suas chances de sucesso no concurso que tanto almeja.


Antes de continuarmos, quero te convidar a me seguir lá no Instagram (CLIQUE AQUI), caso você ainda não me siga, pois sempre estou trazendo diversos tipos de conteúdos relacionados ao mundo militar, minha carreira, estudos e esportes. Acredito que isso poderá te ajudar em sua jornada!


É importante que você entenda que, logicamente, tentarei aqui resumir em 3 grupos gerais todo o universo de candidatos de um concurso militar, porém, por motivos óbvios, esta é uma missão impossível. Pode ser que você não se enquadre em nada do que eu escrever aqui e, caso isso aconteça, não há problema algum. Espero que este post sirva como reflexão para você, para que você possa se tornar um candidato melhor! Além disso, saiba que, independente do grupo a que você se inserir, dos 3 que irei citar, você tem sim chances de ser aprovado. Obviamente que as chances de aprovação de um candidato variam de acordo com diversos fatores, como a sua base de estudos, o quanto irá se dedicar, etc, porém, eu te afirmo, de acordo com a vivência que tive, com milhares de jovens que foram aprovados em concursos militares (muitos deles, inclusive, da minha turma de formação na AMAN), que independente de qualquer coisa, você tem sim chances de ser aprovado!


Portanto, vamos lá ver quais seriam os 3 tipos de candidatos que surgem após a divulgação do edital de um concurso militar.

Anualmente, milhares de jovens realizam os concursos das Forças Armadas, com o sonho em comum de se tornarem militares de carreira e servirem ao nosso País.

1 - O candidato que nunca ouviu falar de concurso militar:


Geralmente esse tipo de jovem é aquele que ficou sabendo através da internet ou através de algum conhecido que existia um concurso militar com edital aberto e daí foi pesquisar mais a fundo e viu ali uma oportunidade que antes não sabia. Eu mesmo, por exemplo, fui um desses candidatos, pois fique sabendo do concurso da EsPCEX através de um panfleto que encontrei no chão (VEJA AQUI um pouco mais sobre a minha história) por acaso, que falava sobre algumas características dos concursos militares (o detalhe é que eu descobri o concurso da EsPCEX em 2008, antes do concurso daquele ano e comecei a estudar tendo como foco a prova do ano de 2009). Ao encontrar aquele panfleto, eu decidi pesquisar mais sobre o assunto e percebi que aquela poderia ser uma ótima oportunidade para mudar o meu destino. E mudou!


Assim como eu, todos os dias, centenas de jovens descobrem o universo dos concursos militares, sobretudo com o avanço exponencial de informações relacionadas ao tema através da internet. E isso é absolutamente fantástico, afinal, o que antes era de conhecimento de um pequeno universo de jovens, geralmente moradores de grandes centros urbanos, em cidades com tradição militar e/ou parentes de militares, hoje pode ser acessado por jovens de todas as classes sociais e de qualquer lugar do nosso Brasil.


Se você se enquadra nesse perfil que tracei, se descobriu os concursos militares a pouco tempo e/ou ainda está um pouco perdido neste universo, recomendo que, em primeiro lugar, procure se inteirar sobre quais são os concursos militares que existem nas Forças Armadas. Fiz um vídeo no meu canal no YouTube falando exatamente sobre isso, dando algumas dicas pra você que vai começar do zero, CLIQUE AQUI e não deixe de conferir.


Além disso, uma coisa muito importante que você tem que entender é que os concursos militares são, na verdade, parecidos com qualquer tipo de concurso público realizado no Brasil. Lógico que existem particularidade, afinal, cada concurso tem as suas exigências, porém, ser aprovado em um concurso militar não é "coisa de outro mundo", algo que só é possível para nerds, filhos de militares ou qualquer outro tipo de esteriótipo que você já tenha escutado por aí. Eu sou natural de Caruaru - PE, filho de vendedora de cosméticos, nunca havia conhecido um militar na vida até a minha apresentação na EsPCEX e fui aprovado! Por que você não seria?


Então agora é hora de você mergulhar de vez no universo dos concursos militares, pesquisar bastante, ler os editais passados, procurar entender as características de cada Força (Exército, Marinha e Aeronáutica) e buscar o máximo de informações que conseguir. Se você decidir que este é um bom caminho pra você, ótimo, agora é "só" estudar! Se decidir que não quer seguir carreira militar, que não é isso que vai lhe fazer feliz, ótimo também, porém, pelo menos você terá tido a oportunidade de analisar uma das opções que tinha a sua frente, não é mesmo?


Obviamente que o seu tempo para se preparar para um concurso, após a divulgação do edital, é mais reduzido do que para aqueles que já vem se preparando há meses/anos, isso é óbvio, porém, lembre-se que nada é impossível e, assim como eu, se você tiver mais de uma oportunidade para fazer as prova, de acordo com a sua idade, você pode hoje começar a sua preparação já visando as provas dos próximos anos, afinal, quanto antes começar melhor.


2- O candidato que decide estudar após o lançamento do edital:


Esse outro tipo de candidato, na verdade, se divide em dois universos: a) aquele que estava estudando para outro concurso; b) aquele que não estava estudando para nada.


Nestes casos, o candidato já sabia da existências dos concursos militares, porém, só decide se dedicar ao concurso após ver que o edital foi publicado. Assim como aqueles que estão começando do absoluto zero, você precisa entender que sim, o seu tempo de preparação é reduzido, porém, com foco, determinação e muito estudo, poderá sim obter a sua aprovação.


Todavia, uma coisa que eu acho importante salientar é que você não deve se acostumar a ser um desses alunos que ficam pulando de galho em galho, passando de um concurso para o outro sempre que um edital é aberto. VEJA ESSE VÍDEO em que falo sobre esse assunto para que você não seja mais um desses alunos que, por pular de galho em galho, acaba não chegando em lugar algum.


Da mesma forma, lembre-se que, se você tem mais de uma oportunidade para realizar as provas que deseja, mais importante do que focar na sua aprovação este ano é focar na sua aprovação. Não entendeu? Te explico: muitos candidatos se concentram demais na sua aprovação imediata, ou seja, querem ser aprovados em apenas um ano e se isso não acontece, ficam frustrados e, muitas vezes, desistem de permanecer no estudos. Essa não é uma decisão muito inteligente, afinal, a grande maioria dos candidatos que são aprovados na EsPCEX, por exemplo, tentaram e "falharam" em pelo menos uma tentativa, conseguindo a sua aprovação por não desistirem após uma derrota temporária. Sendo assim, não seja imediatista, não foque na sua aprovação neste ano, mas sim, na sua aprovação. Dê o seu máximo na sua preparação este ano, reforce a sua base, faça exercícios, etc, porém, caso a sua aprovação não se concretize, você já terá começado a sua jornada para a prova do ano que vem, o que, certamente, já lhe deixa em plena vantagem sobre os demais candidatos que realizarão a prova.


Lembre-se: focar no longo prazo é o segredo para a vitória, em qualquer área da sua vida!

3 - O candidato que já vinha estudando muito forte:


Este, sem sombra de dúvidas, é o candidato que está, pelo menos por enquanto, em uma situação mais confortável, afinal de contas, ele já vem estudando há um tempo e isso lhe coloca em vantagem sobre aqueles candidatos que estão começando os estudos.


Se você não se enquadra neste tipo de perfil neste ano, aprenda com o seu erro e, dessa forma, ano que vem, você será um deles. Ou seja, se você vai começar agora os seus estudos, lembre-se do que eu lhe falei nos tópicos anteriores e foque nos seus estudos a partir de agora, sem se preocupar com o seu resultado neste ano, mas sim, focando na sua aprovação como o objetivo final.


Mas para você que já vem estudando, quero chamar a sua atenção para alguns detalhes. Em primeiro lugar, muito cuidado com o excesso de confiança! Com certeza você conhece aquele aluno que é meio esnobe, que quando você pede pra ele fazer alguma questão ele fala que é muito fácil e faz pouco caso das suas dúvidas, como se ele fosse o cara mais inteligente do mundo, não é mesmo? Pois é, mas eis um fato: até sair a lista de aprovados, vocês dois estão no mesmo barco, ambos são candidatos. Portanto muito, muito cuidado mesmo para não achar que sabe demais e pecar pelo excesso de confiança. Neste momento, foque naquilo que você tem dificuldades e não somente naquilo que tem facilidade, pois, muitas vezes, nós tendemos a fazer mais aquilo que gostamos e acabamos perdendo a oportunidade de melhorar naquilo que somos fracos.


Lembre-se que sim, você acertou em começar a estudar antes do lançamento do edital, porém, isso não lhe dá a certeza de que será aprovado e, portanto, você deve manter o seu foco, entusiasmo e determinação até o final. Não basta ter dado o gás somente até aqui e acabar, por desmotivação, cansaço ou qualquer outro motivo, deixando a "peteca cair". Cuidado para não nadar, nadar, nadar e morrer na praia! Mantenha a impulsão, afinal, "o jogo só acaba quando o juiz apita" e o candidato entrega a sua prova para o fiscal e vai pra casa!


FÉ NA MISSÃO!!

1º TEN THIAGO HENRIQUE - CEO ELITE MIL


© 2019 por Elite Mil - Cursos Preparatórios. Todos os direitos reservados.

CNPJ: 28.330.809/0001-09